O que é Call To Action? Veja exemplos de como utilizá-las.

Photo by Hello I’m Nik on Unsplash

As CTAs, também, call to action, são muito importantes para estratégias de conversão em marketing digital, seja para redes sociais ou websites.

No marketing digital, o usuário é a ferramenta mais importante para a campanha rodar. Ele é o cara que vai responder nas métricas a performance do anúncio.

Levar à página de compras, baixar um e-book ou realizar um período de testes gratuito são alguns dos artifícios utilizados para levá-lo ao cadastro de dados.

Durante a visualização de uma página, o leitor precisa de um resposta sobre qual o seu próximo passo para não sair da página. Por exemplo, ao final de um artigo de blog é interessante o convite para assinar uma newsletter para receber mais artigos.

A mesma técnica não se aplica apenas aos websites, mas também às redes sociais. Aliar o entretenimento ao conteúdo abre possibilidades de conversão que tornam obrigatório o uso de uma chamada para ação.

Assim como é comum ver streamers divulgarem lives no Instagram para aumentar o número de visualizações, mas que possuem um feed focado em memes.

Por isso eu quero te explicar um pouco a utilidade das CTAs e mostrar alguns exemplos práticos de como utilizá-las para o público gamer.

3

O que é call to action?

Verbos no imperativo: compre, assine, jogue. Sejam ordens ou propostas irrecusáveis, essas chamadas estão sempre presentes na internet.

O nome desse tipo de elemento é popularmente conhecido como call to action, em linguagem literal chamada para ação.

É comum o costume de criar estratégias de conteúdo focadas em vendas. A maior parte das empresas possuem vícios em falar sobre seus produtos e a CTA acaba em uso forçado, às vezes se torna um SPAM.

Não importa o quão óbvia é a chamada, as pessoas sabem da intenção de levá-las à página de vendas. No entanto, o artifício garante a curiosidade sobre aquele botão e conquista a conversão.

É uma decisão rápida. Um reflexo. Você entra na página, vê o botão em destaque e automaticamente pensa em clicá-lo. Um processo menor que 3 segundos.

O objetivo principal está em rotacionar o leitor na sua página. Um artigo em blog uma vez lido já pode ser fechado, mas uma oferta atrativa pode fazer com que o leitor tome uma nova decisão dentro sua atmosfera.

O que não quer dizer que você precisa colocar vários botões no seu site. Ela precisa ser atrativa o suficiente para gerar interesse e curiosidade afim de aproximar da sua marca, então ela precisa parecer uma proposta única.

Como criar uma CTA chamativa

Fazer uma boa chamada não querer muito esforço. O ideal é sair do esperado e robótico feito pela maioria das empresas e partir para uma verdadeira proposta de valor.

Aqui vai uma pequena lista de itens para se atentar na hora de criar sua call to action.

Título da chamada

Começar com um “Compre agora!” não é mais a melhor maneira de entregar o produto ao público. Convencer o público-alvo de que aquele clique vai proporcionar um bom retorno a ele é a chave.

Substitua:

  • “Compre O JOGO na Steam!” por “Torne-se um soldado de elite em Battlefield!”;
  • “Assine já!” por “Acesse milhares de aulas em um clique”;
  • “Contrate o Elojob” por “Você vai sair do bronze sem esforço!”. (não façam elojob)

Visual destacado

Não é necessário criar uma transformer 3D mandando acessar seu e-book. Você só precisa saber como posicionar e com que aparência e é sucesso!

Existem modelos variados de botões prontos no Google Imagens que você pode se basear para fazer o seu.

Escolha uma cor de acordo com a sua proposta. Existe um ótimo infográfico do Viver de Blog que trata sobre psicologia das cores que indica a melhor cor para atingir o sentimento certo.

Se você quer causar pressa, use vermelho; calma, azul e assim por diante.

A fonte e formato do botão também importam. Cantos arredondados buscam mais dinamicidade, enquanto o clássico retangular segurança, já fonte caligráficas são muito mais íntimas que Times New Roman.

Foque em uma só!

Espalhar várias chamadas durante o artigo ou post não vai adiantar. É como colocar seu público em um labirinto que precisa ser descoberto.

Entregue o caminho que você planejou para a publicação. Ter um objetivo claro sobre o conteúdo publicado com certeza vai trazer mais conversões.

Exemplos de uso da Call To Action

Reuni algumas imagens de websites populares entre empresas voltadas para o público gamer para mostrar como seu uso pode ser simples e ao mesmo tempo impactante.

League Of Legends

Não podia faltar LoL aqui no meu blog. Aliás, um ótimo exemplo. A página inicial do jogo apresenta um título com ótimos gatilhos mentais.

Sua chamada propõe uma nova aventura para o jogador e cria a antecipação do sucesso. Seu final matador é a oferta de oportunidade sem esforço: gratuito.

Swarmio

Melhore seu nível competitivo. Dispute e vença prêmios em torneios de esports de todos os níveis de habilidade. Comece agora!

A Swarmio tem uma página inicial agressiva que promete uma grande melhoria no nível de jogabilidade a partir do cadastro.

Razer

Obtenha Jogos, Ganhe Recompensas. Visite a loja de jogos da Razer. (Tradução Adaptada)

Com uma proposta menor fantasiosa, a Razer oferece a oportunidade de receber retorno em produtos da empresa, diferente das outras empresas que oferecem recompensas no estilo de vida.

G2A

Você não pode dizer ‘não’ para essas ofertas! Pegue descontos épicos nos mais vendidos de 2018! Escolha e jogue!

Na pegada de preço baixo, como sempre investiu em suas propagandas, a navegação do website após alguns scrolls exibe com um popup de oferta. Ótimo exemplo de como manter-se alinhados à sua proposta de preço baixo.

Nuuvem

A principal concorrente da G2A no Brasil segue a mesma tática. Assim que você entra no website, receba um cupom de desconto para usar na loja, direcionando o comprador direto para o produto oferecido pela loja.

Estratégias que utilizam CTAs

Existem algumas estratégias que você pode implementar que são perfeitas para as chamadas para ação.

Email Marketing

Serviços como mailchimp que são gratuitos possibilitam criar newsletters ou automatizar emails para uma base de contatos. Nestes emails você pode inserir produtos em alta e promoções atrativas para seus clientes.

Website

O custo é baixo. A partir de 8 reais por mês na snaphost, você pode criar blogs, landing pages ou hospedar alguma plataforma online utilizando chamadas para consumir seu produto digital.

Vídeo

Os vídeos são a grande tendência de 2019 para atrair e engajar audiência para redes sociais. Se somados com uma boa estratégia de conteúdo podem gerar muitas conversões.

Fazer um vídeo é mais barato do que se pensa: o Rodrigo Bittencourt possui um curso para produção de vídeos no celular. Vale conhecer!

Conclusão

Esse blog post foi feito na intenção de incentivar o uso de técnicas de copywriting entre empresas de esporte eletrônico. Times de esports, eventos, campeonatos e qualquer tipo de negócio digital precisa ter uma estratégia de vendas além das redes sociais.

Qualquer dúvida ou comentário, você pode falar comigo em contato@pabloalves.me.

Siga-me no Facebook, Instagram, Linkedin e Twitter.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *