Designers também precisam de marketing

Photo by Kaleidico on Unsplash

É comum ver designers reclamando sobre a vida difícil dos freelas e os desafios para conseguir clientes. Essa dificuldade em manter uma relação próxima com seu público alvo e criar vínculo é o principal fator.


Por que vender seu design pode ser tão simples?

Já ajudei alguns designers iniciantes e para minha felicidade a maioria continua na área por gostar e pela questão financeira favorável. A regra de prospecção é bastante simples: não importa o seu nível de conhecimento, sempre há alguém que busca seu trabalho.

Independente do quão simples o portfólio, você já tem o necessário para prospectar clientes: um Photoshop (provavelmente crackeado) e alguns tutoriais estudados.

Eu sei que o designer vende muito mais do que uma arte com efeitos bonitos. No entanto, o maior motivo para pequenas empresas contratarem designers é o TEMPO.

É muito mais útil pagar a alguém para executar um serviço do que aprender a fazê-lo e dedicar horas praticando.

Por isso é tão comum ver designer ruim ganhando dinheiro por aí.


Como aproveitar disso com Marketing?

Quando alguém me pergunta sobre como conquistar clientes, minha resposta é certa: portfólio nas redes sociais e website. Muito óbvio.

Eu sigo esse modelo pensando nos princípios básicos do Marketing de Philip Kotler, conhecido como os 4Ps do Marketing — referência mundial para todos os acadêmicos de Publicidade. Tema que não é abordado na graduação de design gráfico, muito menos nos cursos profissionalizantes e técnicos.

Os 4Ps são: Produto, Praça, Preço e Promoção. Uma frase para explicar como funcionam pode ser “Vendo um produto distribuído em algum lugar por um determinada precificação para proporcionar algo a alguém”.

Com designers, eu gosto de simplificar essa lista para Serviço, Público e Valor — que significa a mesma coisa, mas de forma fácil de entender.

Serviço

Um designer gráfico pode executar diversas funções básicas desde identidades visuais até Motion Design, no entanto toda pessoa naturalmente sempre possui um favoritismo em alguma função.

Por exemplo, eu sou designer, mas prefiro trabalhar com criação publicitária e faço o máximo para estudar e praticar essa área cada vez mais. Isso me dá a possibilidade de me tornar especialista nesse campo e obter vantagem sobre designers generalistas.

Um especialista transparece mais segurança e credibilidade que um generalista que atira em várias áreas diferentes. Isto porque a qualidade de seu serviço, mesmo que específico, supre melhor a necessidade de seu cliente.

Público

Como trabalhamos no ambiente online, o freelancer é obrigado a se mostrar presente. Não aproveitar disso é como ter a única garrafa de água em meio ao deserto. Ela pode ser valiosa, mas inútil já que não há pessoas lá.

Para gerar vendas, o mínimo necessário é que outras pessoas que buscam pelo serviço de design saibam do seu posicionamento no mercado. Instagram, Facebook, Twitter, Behance, Dribbble, Website próprio e qualquer outro meio de presença digital são relevantes para criar visibilidade sobre seu trabalho.

Mesmo quando a qualidade do serviço é baixa, ter uma boa quantidade de pessoas que acompanham o trabalho aumenta a possibilidade de venda, afinal isso aumenta a percepção sobre a marca do designer.

Valor

Preço e Valor possuem definições paralelas. Preço é o custo de uma transação, enquanto Valor é a percepção sobre o produto da transação.

Por exemplo, em meu bairro, uma lata 355ml do energético Red Bull custa cerca de R$9,00, enquanto seu concorrente Vulcano custa metade do R$6,00 por 473ml. Eu posso comprar uma mais barata em um momento de necessidade, no entanto a minha favorita segue a Red Bull.

Isto porque quando eu estive em eventos de 3 dias virando noites, ela esteve presente distribuindo energéticos; quando eu me aproximei da Fórmula 1, ela tinha o melhor piloto; e principalmente quando ela colocou meus ídolos em um super campeonato de League of Legends, o RedBull Player One.

Marca é muito mais do que logotipo e posts bonitos. Ela é presente, humana e transformadora.

O designer é responsável pelo nascimento de dezenas de marcas ao longo de sua carreira. Saber se diferenciar do mercado com conteúdo útil e relacionamentos que agregam é, sem dúvida, a virada de chave.

Qualquer dúvida ou comentário, você pode falar comigo em contato@pabloalves.me.

Siga-me no Facebook, Instagram, Linkedin e Twitter.

Colabore com o blog!

Contribua para que eu possa continuar a escrever!

Apoia-se

Assine apoie.se/pabloalvesme para receber recompensas exclusivas para assinantes.

Entre elas: escolher pauta para próximo artigo, acesso ao grupo exclusivo de assinantes; download do meu ebook sobre criação de media kits, divulgação do trabalho e mentoria sobre seu negócio ou portfólio.

Doações

Entusiastas de criptomoedas podem realizar doações em Bitcoin (BTC), Ethereum (ETH) ou Ripple (XRP).

BTC: rw2ciyaNshpHe7bCHo4bRWq6pqqynnWKQg
ETH: 0x1aC2A9A3d02a177fc411940DcBe0165b532a0f27
XRP: 0x7ED040C2b21e6148CBdFC6BDed65f222B407Dfaa

Doar via Paypal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *